sábado, 15 de agosto de 2015

Cães e gatos sofrem com o tempo seco

Boa tarde.

Tudo bem pessoal?

Bom hoje vou postar mais uma matéria que recebi por e-mail.

Por mais que não estamos no verão, as temperaturas altas e a falta de chuva deixam o tempo bem seco. E isso não faz mal apenas para os humanos, mas também faz mal para os animais. Por isso, alguns cuidados são importantíssimos para garantir o bem estar dos pets nesses dias de secura. 

Sugestão de pauta: Cães e gatos sofrem com o tempo seco

Bebedouros são essenciais para não acarretar problemas para os pets
Em épocas de tempo muito seco, a procura de proprietários de cachorros e gatos por atendimento médico aumenta cerca de 30%. E segundo os veterinários esse aumento acontece pela falta de informação com relação às mudanças de hábito que precisam ser tomadas no dia a dia do animal.
 E uma das dicas mais importantes é com relação à água do animal, ela precisa estar sempre fresca e nunca pode faltar para que o animal possa saciar a vontade e se hidratar.
 Para as pessoas que não ficam em casa durante o dia e não podem repor ou trocar a água com frequência, o mais indicado é que espalhem os potinhos pela casa, para que se acabar em um, o animal consiga se dirigir a outro para matar a sede. Outro ponto importante é o local de colocar as vasilhas, precisa ser um lugar que não bata sol.
 A PETIX desenvolveu bebedouros que são produzidos com melanina, que são resistentes, fáceis de limpar e mantém a água fresca. Além disso, eles são divertidos e decoram o ambiente.
 Outra ideia da marca é o bebedouro que armazena mais água. Esse é ótimo para quem não quer espalhar muitos bebedouros e não fica em casa o dia todo.

 Além de tomar esses cuidados, os donos precisam ficar atentos para ver se o pet apresenta coceira no olho, cansaço, boca seca, desidratação e dificuldades para respirar são os principais sintomas apresentados pelos animais durante os períodos que o ar está muito seco.
 Uma dica é para deixar um umidificador de ar ligado, principalmente, à noite. Para quem não tem o aparelho, usar uma toalha molhada durante a noite no cômodo em que o animal costuma dormir já ajuda muito. Porém, se os problemas persistirem, a procura por um veterinário é indiscutível.
 Para mais informações sobre a Petix acesse o site: www.petix.com.br
Dai o que acharam?
Comentem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário